Estudo imenso, mas não consigo tirar boas notas!

Estudo imenso, mas não consigo tirar boas notas!

Horas e horas de estudo, opiniões positivas de professores e explicadores relativamente à preparação para um determinado teste de avaliação, então porque é que o meu filho não consegue tirar boas notas nos testes?

Talvez já tenha questionado porque é que isso acontece, principalmente quando vê na cara do seu filho a frustração escorrendo em lágrimas quando diz que bloqueou no teste ou teve uma branca e não conseguiu fazer nada de jeito. Então porque é que a criança que sabia tudo de trás para a frente não consegue transcrever para o papel o seu conhecimento no momento de uma avaliação? Porque é que ela bloqueia nos testes?

Quando este tipo de situações ocorrem podemos estar perante um conflito interno que gera ansiedade de desempenho.

O que é Ansiedade de Desempenho?

É normal uma criança que se esforça sentir-se ansiosa antes de fazer um teste, algum nervosismo até pode ser benéfico para que o execute com o máximo de atenção. Mas quando os sintomas de ansiedade são tão intensos que interferem com a sua concentração e com o desempenho, então esse tipo de ansiedade é disfuncional.

A ansiedade de desempenho é caraterizada pelo medo de falhar em situações de avaliação, aliada a uma baixa autoestima e falta de confiança nas suas capacidades. Perante estes contextos a mente inconsciente da criança associa a avaliação como algo ameaçador, potencializa pensamentos negativos, tais como, “não vou conseguir”, “e se me esquecer de tudo o que estudei”, e intensifica os sintomas físicos associados ao nervosismo como o aumento do ritmo cardíaco, da respiração, da transpiração, etc. Quando este esquema vicioso fica impresso na mente pode gerar uma resposta complexa quer ao nível cognitivo (dificuldades atencionais), comportamental (evitar o confronto com a avaliação), emocional (falta de confiança e insegurança em si própria) e físico (dores de barriga, dores de cabeça, mãos transpiradas).

Para que possa compreender se o seu filho sofre deste tipo de problemática deve ter em conta os seguintes sinais:

  • Demonstra com frequência medo de situações em que é confrontado com contextos avaliativos;
  • Manifesta indicadores de ansiedade perante contextos avaliativos;
  • Ideias ou crenças limitantes que reforçam a sua falta de confiança “não vou conseguir”, “não sou capaz”, “não sei”;
  • Demonstra angústia e preocupação nas vésperas de situações de avaliação;
  • Pouco ou nada participativo em contexto sala de aula;
  • Quando confrontado com uma avaliação (teste), em que sabe a matéria, tende a queixar-se de “brancas”;
  • Apresenta notas inferiores às suas expetativas e às suas capacidades cognitivas;

Esteja atento aos sinais que o seu filho apresenta no dia-a-dia que podem ser consequência de ansiedade de desempenho e não espere simplesmente que ele peça ajuda. Não se esqueça que o seu filho ficar ansioso antes de um teste é absolutamente normal e a maioria das crianças pode sentir isso. No entanto, quando os sintomas da ansiedade intensificam podem prejudicar a saúde e a qualidade de vida do seu filho e procurar acompanhamento especializado torna-se fundamental para reverter essa condição.

Hipnose na Intervenção da Ansiedade de Desempenho

Avaliar cada caso, torna-se imprescindível para descobrir se a ansiedade de desempenho que a criança manifesta pode ser consequência de um problema ou situação que ela esteja a vivenciar num determinado momento da sua vida, como por exemplo, bullying, conflitos parentais, doença física, etc. Todas estas situações devem ser tratadas em primeiro lugar.

Assim, partindo do princípio que esta problemática pode estar a ser reforçada pelas dimensões, emocional, física e inteletual, torna-se essencial encontrar uma ferramenta que possa intervir a um nível mais profundo da estrutura mental da criança. A hipnoterapia como terapêutica interventiva vai ajudar a criança a modificar o esquema mental disfuncional que está na base deste conflito interno, potencializa os principais recursos como a confiança, segurança e motivação para elevar a sua autoestima, e promove estratégias para controlar a sintomatologia ansiogénica.

Quer saber mais sobre hipnose clínica em crianças? >>> Hipnoterapia Pediátrica: O que você precisa de saber?

Artigo escrito by Paulo Dias 2019 – Neuropsicólogo e Hipnoterapeuta na Clínica Dr. Alberto Lopes.

Partilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

3 + fifteen =